Quando o amor se acaba realmente?

domingo, 3 de maio de 2009

Hoje após ter uma longa conversa com uma amiga minha, que talvez ainda goste de um amigo meu, ou talvez não, me veio a cabeça, como descobrir que o amor se acabou sabe?
Eu sempre ataco de conselheira amorosa (mas isso é assunto pra outro post) entao estava eu tentando ajudar, e não tive um grande êxito dessa vez, porque nem eu sabia o que falar, porque como descobrimos que acabou?
Existem pessoas que nos causam sentimentos tão intensos que nem conseguimos controlar, mas depois acaba, as chamadas por mim de paixonites, mas e aquelas avassaladores que vem pra ficar e duram tempos que você até se acostuma com tal sentimento, com tal pessoa, com tal atenção, e depois de um tempo que se acabo (o namoro, a ficada, o rolo...) você se pergunta o que sente, se é saudade, se é carinho, se é vontade, se é ate sentimento de perda... nunca sabemos a resposta pelo menos eu não sei... e nem a minha amiga eu acho...
Uma coisa que eu disse pra ela, por mais lindo e maravilhoso que tenha sido, se você não sente aquela necessidade, você apenas se acomodou ali, não é fácil mudanças, nunca são, mas se prender a um sentimento por medo de arriscar outro não vale a pena... Ou se prender simplesmente porque foi lindo, também não.
Por mais que isso pareça triste, o que passou, passou... e gente tem que seguir em frente, as lembranças nunca serão apagadas...Mas tem um mundo inteiro com milhões de pessoas que você ainda tem pra conhecer e juntar mais e mais lembranças maravilhosas, até acha a "pessoa certa" (porque eu ainda acredito que exista, com ! *.* - esperaremos até ela chegar ?)
(ps. eu ainda nao apaguei lembranças e sei que nunca serão apagadas mas eu também nao esqueci, e ainda sinto a falta "DELE", e talvez nem apague... mas enfim eu tinha que tentar ajudar =])
Mas eu acredito no prego, e acredito que eu não esqueci porque talvez ainda não seja o fim...

8 comentários:

  1. liláh disse...:

    obrigada pela sua visita (:
    voolte la denovo,postagem nova!
    beeijos

  1. Sofia disse...:

    Paty! Queria lhe dizer q vc eh o nov destaque do TP! eu to amando seu blog,e leio ele tod dia! =D Peque o selinho de destaque q tah na sala de presentes,e olha....Eu queria fzer um link-me p seu blog,se me permitir...Um bjooooooooo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  1. Paty, amei o post, e olha é smepre assim...
    Mas te digo uma coisa, se era amor de verdade ele não terminou não, caso contrário é bem provável que seja só o comodismo mesmo, aquele tipo de paixonite como tu mesma dizes...
    Eu amei uma vez na minha vida e nunca mais consegui superar o término do meu namoro, sei que era amor, já faz um ano e meio que terminou e ainda assim não o esqueci... =/


    bjbjbjbjbjb

  1. O certo é que um dia sempre passa. E aí nos sentimos bobas por todo o tempo que "perdemos" sofrendo. rs.

    Beijinhos

  1. Sofia disse...:

    Oi Paty! Olha vim avisar q seu link-m eestá prontinho,mas naumt em como mandar por coment. ''/ ai eu uqeria pedir q vc se contatasse comigo pelo o e-mail do TP: teensprincesscontact@gmail.com

    AI eu jah te mando como resposta o cód. do seu link-me.

    Bjaçossssssss!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  1. acho que o mais complicado é saber se realmente chegou ao fim. ou se estamos apenas em desespero. eu passo por isso sempre =/ dúvidas e mais dúvidas.
    o importante é não estacionar a vida por conta delas.

    beeijos!

  1. Érica disse...:

    Homeeens . . . Ellees . . .
    A genteee nuuncaa saee a horaa quee acabaa
    e se acabaa a gentee sentee faltaa ¬¬'
    Mulheerees *--*

    Visita Meu blog tbm ^^
    http://coloridinho.blogspot.com/

  1. Bons conselhos...
    Sei que o amanhã nao será mais igual ao hje.
    Por isso soborei cada momento.
    Tbm sei que niguem jamais amará igual.
    Pois sei que kda um ama do sei jeito
    e isso num significa q sua maneira de amar nao seja contdo de sii...(tudo que a pessoa tem para oferecer).
    xau, abraço o/

Postar um comentário

Oi pessoinha? Que boom, que você está passando por aqui... \o